TV Beauté: Maquiagem & Skincare + Máscara, Minha Experiência

Quer a gente goste ou não, a máscara se tornou um item fixo na nossa rotina atual. E não estamos falando de máscara de cílios ou de skincare, mas da máscara de proteção ao coronavírus mesmo. Cada cidade/país tem suas regras, e algumas pessoas estão circulando menos que outras, mas a verdade é que, seja usando o dia todo ou só de vez em quando, esse item passou a fazer parte das nossas vidas. E o que isso tem a ver com o Dia de Beauté?

Bem, é que a interação da máscara com a nossa pele tem criado necessidades específicas de skincare e maquiagem para esse momento. Enquanto algumas pessoas estão sentindo a pele apenas mais seca na região da boca, muita gente tem desenvolvido um problema um pouco mais sério que foi batizado de “mascne”, que é a acne provocada pelo uso constante da máscara.

Outro problema é em relação à maquiagem. Aqui em Londres, por exemplo, já está autorizado encontrar com os amigos e frequentar pubs, restaurantes e parques, mas no trajeto de metrô ou de uber é preciso usar máscara. Em outras cidades, o uso de máscara nas ruas é obrigatório, mas dentro de estabelecimentos e lugares privados, não. Então fica aquela dúvida de como se maquiar de forma que não saia tudo na máscara ou borre com o tira / põe, quais são as melhores maquiagens para fazer (já dá para imaginar que envolve destacar os olhos, né?) e dicas para retocar ao longo do dia.

Nesse vídeo compartilho o que tenho aprendido com minhas experiências nessa interação máscara de proteção + maquiagem / skincare.

Confesso que não ando tão inspirada para me maquiar ultimamente, sigo assimilando tudo que está acontecendo, então tenho apostado naquela minha maquiagem queridinha de sempre (que já ensinei aqui para vocês e aqui com produtos mais acessíveis ou fáceis de achar no Brasil), com algumas adaptações. Em resumo: sigo passando protetor no rosto todo e depois venho com uma base cushion ou BB cream para uniformizar o tom da pele e disfarçar manchinhas aparentes – mas tudo usando bem pouco produto, mais do que nunca a maquiagem da pele precisa ser levinha. Pense que quanto mais produto você tiver no rosto, mais vai sair na máscara!

Aí percebi que é bom ter sempre na bolsa algo para retocar a pele na região da máscara e meu companheirão tem sido o Studio Fix, da MAC, que é uma base em pó que uniformiza a cor da pele e tira o brilho. Qualquer produto nesse formato achatadinho é uma boa aposta para essa missão, mas amo esse em especial por dar mais cobertura que um pó comum. Também ando sempre com um lip balm com cor para usar tanto na boca, realçando e hidratando, quanto nas bochechas para dar uma animada quando o blush vai embora. Vez ou outra levo também um blush cremoso em bastão.

Lábios são um caso à parte – qualquer coisa muito glossy gruda na máscara, e batons coloridos emocionantes podem borrar, então tenho ficado nos lip balms do tipo mais durinhos, normalmente os de bastão, que ficam menos cremosos na boca – vou linkar lá embaixo os que tenho usado! Também sigo usando sempre o lápis Everlasting cor 417, da Kiko, que deixa aquela cor rosinha pálida que eu amo e, por ser sequinho, não transfere quase nada.

O destaque vai todo para o olho, que é o que a máscara está deixando brilhar mesmo. Ótimo para quem está empolgada com esse movimento de fazer makes bem emocionados no olho, super criativos, como esses que compartilhamos aqui e no nosso Instagram sempre. Já eu, que ando mais desanimada, tenho focado em pentear bem as sobrancelhas e preencher com lápis para realçá-las mais e também tenho caprichado no rímel. Nesse post aqui tem várias opções bem tecnológicas para cílios wow, e no vídeo eu mostro mais alguns lançamentos bafo que recebi nas últimas semanas!

Agora, voltando para o skincare, o que tenho feito além de caprichar na minha rotina normal é usar produto com ácido salicílico só na região onde a máscara vai, para ajudar a prevenir a temida mascne, já que ele faz uma esfoliação suave na pele eliminando células mortas e também dá uma aliviada na acne que já surgiu. Lembrando que, se você usa máscara reutilizável, é importante todos os dias para evitar acúmulo de bactérias e outros microorganismos que podem infeccionar a pele, assim como caprichar na limpeza da pele à noite e investir em produtos que fortalecem a barreira cutânea para compensar esse abafamento causado pelas máscaras.

E um toque final: se você já desenvolveu mascne e está com a pele bem irritada, é muito importante ir ao dermatologista olhar. Além da acne da mulher adulta, a mascne também pode ser resultado de uma dermatite que precisa de cuidados específicos. Logo mais entra um post focado nesse tema, fiquem de olho!

Produtos:
. Máscaras Mask Up e Nars (aqui)
. Base em pó Studio Fix cor C2 – MAC (aqui)
. 24k Lip Therapy – Elaluz (aqui)
. Protetor labial Pérola Shine – Nivea (aqui)
. Baume de Soin – Hermès (aqui)
. Lápis Everlasting cor 417 – Kiko Milano (aqui)
. The Lip Volumizer – La Mer (aqui)
. Climax Extreme – Nars (aqui)
. Diorshow Iconic Overcurl – Dior (aqui) (esse é a versão antiga, mas assim que chegar no Brasil trocamos pelo novo link)
. Pillow Talk Push Up Lashes – Charlotte Tilbury (aqui)
. Sérum Normaderm Phytosolution – Vichy (aqui)
. Anti Blemish Serum – Lernberger Stafsing (aqui)
. EradiKate Blemish Treatment – Kate Somerville (aqui)
. Drying Lotion – Mario Badescu (aqui)

Usando:
Esmalte Monochrome – Chanel
Piercings de sempre Pulseira Marina Vicintin
Blusa Framed